[Filmes] - Um Olhar No Paraíso


-Lançamento: 19 de fevereiro de 2010 (2h15min) 
-Dirigido por: Peter Jackson 
-Elenco: Saoirse Ronan, Mark Wahlberg, Stanley Tucci mais 
-Gênero: Drama , Fantasia 
-Nacionalidade: EUA , Reino Unido , Nova Zelândia
-Sinopse: 6 de dezembro de 1973. Norristown, Pensilvania, subúrbio da Filadélfia. Susie Salmon (Saoirse Ronan) está voltando para casa quando é abordada por George Harvey (Stanley Tucci), um vizinho que mora sozinho. George a convence a entrar em um retiro, por ele construído. Lá dentro, Susie é assassinada. Os pais de Susie, Jack (Mark Wahlberg) e Abigail (Rachel Weisz), inicialmente se recusam a acreditar na morte da filha, mas precisam aceitar a situação quando seu gorro é encontrado em meio a um milharal, junto a destroços do retiro que estão repletos de sangue. Em meio às investigações, a polícia conversa com George mas não o coloca entre os suspeitos. Com o tempo Jack e Lindsey (Rose McIver), a irmã de Susie, passam a desconfiar de George. Toda esta situação é observada por Susie, que agora está em um local entre o paraíso e o inferno. Lá ela precisa lidar com o sentimento de vingança que nutre em relação a George e a vontade de ajudar sua família a superar o trauma de sua morte.


Resenha:

           Gente é tão doloroso e tocante como Susie tenta, o filme inteiro, entrar em contato com as pessoas que amava quando foi morta brutalmente pelo vizinho - sem suspeitas. O filme passar em uma época que sinceramente sou louca, o figurino já me conquistou, a touca dela é meio "infantil" para os tempos de hoje, mas eu acho o máximo! A imagem também é incrível, o lugar onde Susie se encontra com outras garotas,  - literalmente entre o céu e o inferno, porque não consegue tirar a raiva que sente dentro de si pelo seu assassino.
           Mas a história que o filme passa é o que mais impressiona. No inicio do filme é só mais uma família normal por volta dos anos 1975. Mas quando o trágico desaparecimento de Susie, a irmã mais velha de três irmãos,  ao voltar para casa, logo aposto falar com o carinha que está afim, pode abalar vidas para sempre. Seu pai não desiste nunca, chega a ser espancado em um milharal ao ser confundido com um perseguidor, tentando encontra Susie e ao mesmo tempo sua mãe, Abigail, digamos que "desiste", ela não pode suportar olhar para seus outros dois filhos mais novos sabendo que ali devia estar uma terceira figura. 
           Mas obvio que deve-se deixar claro que ela só desiste depois que a policia descobre o gorro de Susie, aquele que sua própria mãe fez e a obrigou a usa-lo na manhã fatídica, em um milharal com vestígios de sangue. Com isso a sua família se desintegra, sua avó vai passar uns tempos com eles, por enquanto que Abigail foge para uma colheita, onde lá eles só a conhecem por ser mãe de duas crianças.
           E é neste tempo que Lindsey, sua irmã mais nova, entra verdadeiramente em cena ao ver sua família destruída e seu pai se autodestruindo que ela começa a investigar por conta própria o desaparecimento da sua irmã, que apesar do sangue e gorro, ainda não existe corpo. As investigações levam diretamente para o vizinho mais impensável, ele era aquele que não deixava dúvidas, seu pai também percebe que algo está errado com aquele vizinho misterioso.
           O que me chamou atenção também é a ligação que Susie tinha com Ray através da garota "esquisita" da escola. Sinceramente a parte em que Susie consegue "reencarnar" para falar com Ray uma ultima vez, para deixa-lo seguir em frente, é totalmente tocante! Em uma unica cena tu vê a descoberta do primeiro amor. Doce e inocente.
           O mais impressionante é ver Susie, desesperada, vendo tudo e não podendo fazer nada, no lugar onde se encontra com outras garotas desconhecidas, que em uma parte do filme irá entender o por que de todas, somente aquelas, estão no mesmo local que Susie, que aos 14 anos teve sua vida cruelmente tirada.


  

  
  

-Trailer:




[Promoção] Volta Ao Blog!

Olá leitores, tudo bom? Hoje trago para vocês com muito amor a primeira promoção do blog depois da nossa volta! Exato! Não é nosso aniversário de 4 anos de blog, mas é o nosso retorno depois de um ano longe do mesmo.

Regras:
  •  Nos seguir no Google Friends


  • Residir em território brasileiro 

  • Deixar comentário no post da promoção, para mostrar a sua participação.

  • Coloque a frase "A promoção com a volta do Starters e com o Sangue na Neve com o @Gypsyheartbooks" no twitter ou no facebook (você terá mais chances de ganhar).

  • O ganhador ira receber os livros "Starters" e o livro "Sangue na Neve", junto com folhetos e marcadores.

  • O ganhador terá 72 horas para responder ao e-mail enviado, caso contrário um novo sorteio será realizado.
  • A Promoção terá início em 18 de janeiro e término em 20 de fevereiro de 2015


[Especial] A Última Música - Nicholas Sparks


O amor é frágil, Ronnie. E nem sempre cuidamos dele muito bem. A gente se vira e faz o melhor que pode, e torcemos para que esta coisa frágil, sobreviva apesar de tudo.
A Última Música, Nicholas Sparks

Confira abaixo o trailer do filme, baseado no livro:

[Resenha] - Simplesmente Ana


-Livro: Simplesmente Ana
-Página: 304
-Autor(a): Marina Carvalho

-Editora: Novo Conceito

-Nota: 9,0

-Sinopse: Imagine que você descobre que seu pai é um rei. Isso mesmo, um rei de verdade em um país no sudeste da Europa. E o rei quer levá-la com ele para assumir seu verdadeiro lugar de herdeira e futura rainha… Foi o que aconteceu com Ana. Pega de surpresa pela informação de sua origem real, Ana agora vai ter que decidir entre ficar no Brasil ou mudar-se para Krósvia e viver em um país distante tendo como companhia somente o pai, os criados e o insuportável Alex. Mudar-se para Krósvia pode ser tentador — deve ser ótimo viver em um lugar como aquele e, quem sabe, vir a tornar-se rainha —, mas ela sabe que não pode contar com o pai o tempo todo, afinal ele é um rei bastante ocupado. E sabe também que Alex, o rapaz que é praticamente seu tutor em Krósvia, não fará nenhuma gentileza para que ela se sinta melhor naquele país estrangeiro. A não ser… A não ser que Alex não seja esta pessoa tão irascível e que príncipes encantados existam. 

Resenha:
         Ownnnn....Aqueles livros que tu lê em uma tarde sem nem perceber, rápido e com leitura super suave. É adorável a maneira que a Ana aceita o pai, apesar de nunca o ter conhecido e como ela fica depois que sabe ser a herdeira de um trono real! Mas vamos desde o começo.
         Ana é uma tipica garota universitária normal, "órfã" de pai, amigas fieis, um possível futuro namorado, quando sua vida muda radicalmente ao descobrir que não é órfã e que seu pai está muito bem e é um REI! E com isso ela parte para Krósvia....
         Na Krósvia ela cercada por luxo, seu pai, criados e...Alex, o filho adotivo de Andrej, pronuncia-se Andrei, com i.
 No começo ele é totalmente insuportável - sério - até porque acha que Ana só está lá para usufruir do que seu pai tem a dar. Mas com o passar do livro ela mostra que não é isso que quer, e que Alex não é tão insuportável assim.
         Ana começa a se envolver com suas origens reais e com isso começa a ajudar em um lar adotivo  e Alex tem a missão de ajuda-la com isso, além é claro de apresentar seu país. Gente! Os passeios deles são tãooo fofos - o passeio na gruta *_*! E a namorada do Alex, aka Mrs. Nome de Cachorro, é super inconveniente, e a primeira reação de Ana quando percebe que está a fim do Alex é imperdível hahahaha
          Obvio que vão tentar atrapalhar os dois, o que eu achei bem baixo, por que tem a mídia envolvida - que estavam desde o começo em cima da princesa "perdida". Mesmo assim, em minha opinião, não estragou a magia do momento anterior. É nesta parte que eu sinto um pouquinho de raiva de Ana, pela atitude dela, Ok obvio que era compreensível ela ficar com raiva, mas....sei lá! Não gostei muito da atitude em geral.          E o show do Bon Jovi é T-U-D-O, mas com um pequeno ser inconveniente como sempre, “In These Arms” melhor parte!          Leiam! E esperem para se apaixonar perdidamente por Alexander....

[Lançamentos] Livros que Irão Virar Filmes em 2015


O livro Cidades de Papel, ganhou sua adaptação sob a direção de Jake Schreier. Conta a história de Quentin Jacobsen(Nat Wolff) que é apaixonada pela vizinha e também colega de escola Margo Roth Spiegelman(Cara Delevingne), com o passar do tempo Margo invade o quarto de Quentin e o covoca para uma missão secreta. O filme será lançando dia 31 de julho de 2015, ainda não foi liberado se no Brasil também será esta data. Ficamos ansiosas para ver o lançamento.

Cinquenta Tons de Cinza, também dito como o filme mais esperado de 2015, finalmente chega nos cinemas dia 12 fevereiro. O longa tem direção de Sam Taylor-Johnson. Basicamente Anastasia Steele (Dakota Johnson) é uma estudante ingênua e Christian Grey (Jamie Dornan), um grande bilionário com um gosto para sadomasoquismo, onde Anastasia se torna o objeto de submissão de Grey. Ansiosíssima para ver o filme.

Insurgente, é o segundo livro da série Divergente, que também ganhará sua verão pelo diretor Robert Schwentke. Tris(Shailene Woodley) precisa proteger aqueles que ela ama, enquanto vê as facções desmoronarem em sua frente. Estou ansiosa para conferir, estreia dia 15 de março.

A Esperança, o terceiro livro da saga Jogos Vorazes, também dirigido por Francis Lawrence como os anteriores, foi dividio em dois longas, chegando a segunda parte em novamebro desse ano, finalizando a famosa história da boa de arco Katniss Everdeen(Jennifer Lawrence).

[Filmes] Os Normais



-Lançamento: 24 de outubro de 2003 (1h30min)
-Dirigido por: José Alvarenga Jr.
-Elenco: Fernanda Torres,Luiz Fernando Guimarães, Evandro Mesquita e Marisa Orth
-Gênero: Comédia
-Nacionalidade: Brasil
-Sinopse: Vani (Fernanda Torres) e Rui (Luiz Fernando Guimarães) estão prestes a se casar. Ela com Sérgio (Evandro Mesquita), ele com Martha (Marisa Orth). Ambas as cerimônias estão marcadas para a mesma sacristia, sendo uma às 18 hs e outro às 20 hs. É lá que Vani e Rui se conhecem, quando ela lhe pede um pouco de arroz para comemorar o casamento que está para ocorrer.

-Resenha: Estou nessa fase de resenhar filmes nacionais a todo custo hahah. Sinceramente este é um dos melhores filmes de comédia nacional que já vi, assisti ele a anos, mas nunca perde a graça. 

O filme com toda certeza é tão bom quanto a série que passava antigamente, sabemos que existe uma "apelação" quando se fala em palavrões,  mas é algo tão natural que ocorre, chega a ser engraçado. Não tem como não rir deles.

Chega a ter um "romance" ao longo do filme, com a dose exata. 
Os roteiristas incorporaram grandes doses de comédia romântica para ajudar com as piadas. Legal mesmo é ver como tudo começou, descobrir o motivo do eterno noivado de Rui e Vani.

Sei que é um filme bem, bem, beeem velho, mas vale muito a pena ver milhares de vezes. 
Com um elenco desses, não tem como parar de rir.

-Cenas do filme

  




-Trailer do filme


Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...